,

Qual tipo de bloco escolher?

Praticamente todas as construções realizadas no Brasil utilizam blocos para a estrutura do imóvel. No mercado existe uma grande oferta de diversos tipos de tijolos e blocos com mais variadas matérias primas e características. A escolha do modelo ideal para você vai determinar a velocidade e os custos da sua obra.

Para acertar na escolha do bloco sempre consulte um arquiteto ou engenheiro e entenda os prós e contras de cada tipo de tijolo ou bloco.

Muitas vezes o custo é determinante para a escolha do modelo a ser seguido na construção, mas lembre-se: nem sempre a mais barata é a melhor solução! Por vezes o valor unitário ou por milheiro do bloco ou tijolo pode compensar, mas você deve ficar atento aos seguintes pontos:

  • Qualidade da matéria prima empregada na produção do bloco;
  • Fornecedores que seguem normas determinadas por órgãos públicos e empresas confiáveis e possuem selos de qualidade;
  • Resistência e acabamento final do produto;
  • Quantidade de insumos gastos na infraestrutura (ferros, madeira, concreto, etc.) para a construção do imóvel;
  • Quantidade de material de acabamento (reboco, textura, massa corrida, gesso, etc.) que será utilizado para deixar o imóvel pronto;
  • Qualidade da mão de obra disponível para assentamento do tipo de bloco escolhido;
  • Valor da mão de obra para assentamento dos blocos;
  • Velocidade da construção (produtividade);
  • Custos finais, considerando todos os itens acima.

Se a mão de obra escolhida for de qualidade, o resultado final de acabamento da construção será o mesmo se você escolher utilizar um tipo de bloco ou outro. Porém, o custo final tende a ter uma variação entre estes tipos.

Ainda esteja atento ao tipo de bloco escolhido, eles podem ser estruturais ou de vedação:

– Os blocos de vedação, são utilizados para vedar estruturas que já estão prontas, seja concreto armado (convencional), pré-moldados ou outros tipos de estrutura. Estes blocos não têm função estrutural e não podem suportar pesos extras, que não o próprio peso.

– Blocos estruturais são utilizados como estrutura do imóvel, além de realizar a vedação, eles são produzidos para suportar todo o peso das paredes, lajes e telhados. Eles são assentados com técnica própria e possuem ótima resistência e qualidade. Por ter a função estrutural, estes blocos tornam a construção mais rápida e econômica, se comparados com a alvenaria convencional. Neste modelo de construção a estrutura do imóvel é feita com o próprio bloco e são travadas com a utilização de grautes, canaletas e até mesmo vigas e pilares de concreto armado (convencional) quando existem vãos que não podem ser sustentados pelos blocos.

Os blocos mais comuns utilizados em obras são os seguintes:

Tijolos comum

Os tijolos comuns, maciços, são produzidos com argila e possuem bom conforto térmico e acústico, além de serem resistentes. Eles são utilizados para preencher pequenas áreas, construir paredes ou imóveis inteiros, além de serem utilizados como elementos decorativos. Por possuírem suas dimensões pequenas, existe a necessidade de grande quantidade de tijolos para construir um metro quadrado de parede, com isto, o tempo e o custo da construção é maior.

Tijolo furado

Bloco baiano

 

Também conhecido como tijolo baiano é utilizado em larga escala no mercado nacional, principalmente devido ao custo baixo do produto. Eles têm a função de vedação e são produzidos em cerâmica, possuem bom conforto térmico e acústico. A parte externa tem uma série de rachaduras para facilitar a aderência das massas e são lisos internamente. Esses tijolos possuem normalmente 6 ou 8 furos internos. Estes blocos são mais rápidos para serem assentados devido ao seu tamanho maior e peso menor, porém são mais frágeis e quebram com facilidade, por isso, existe uma grande quantidade de perda de material.

 

 

Blocos cerâmicos estruturais

Bloco estrutural ceramico

 

Os blocos cerâmicos estruturais estão sendo utilizados para construção de paredes, muros e em muitas construções de imóveis de médio e alto padrão devido ao custo final da obra e velocidade de construção. Os blocos são leves, por isso a produtividade é maior, além disso, dispensam estruturas de madeiras, ferros armados e espera de secagem do concreto. Possuem bom conforto térmico e acústico. O bloco é produzido com matéria prima argilosa e são queimados em elevadas temperaturas. Estudos indicam que o valor final da obra pode ter uma diminuição de até 30% com a utilização deste tipo de bloco.

 

 

Blocos de cimento ou concreto

Bloco de concreto

Os blocos de cimento ou concreto podem ser estruturais ou de vedação, são utilizados para construção de paredes, muros e imóveis inteiros. São produzidos com a utilização de cimento e pedriscos. Estes blocos são bastante resistentes, porém, possuem o menor conforto térmico se comparado com os demais blocos ou tijolos cerâmicos. Devido ao seu tamanho estes blocos também possuem uma velocidade de construção boa, mas eles são mais pesados.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *